Aprenda a explorar transmissões ao vivo nas redes sociais

Você sabia que, até 2020, os vídeos serão responsáveis por 85% do tráfego da internet no Brasil? É o que diz uma pesquisa realizada pela Cisco. A rapidez e a facilidade para consumir esse tipo de conteúdo faz com que as transmissões ao vivo nas redes sociais sejam cada vez mais acompanhadas pelas pessoas.

Você pode utilizar esse recurso para promover o engajamento dos seus clientes e aumentar as vendas. Não sabe por onde começar? Não se preocupe, porque o post de hoje é para você! A seguir, vamos explicar as vantagens desse tipo de transmissão e mostrar como realizá-la em cada canal. Acompanhe!

Por que fazer uma transmissão ao vivo nas redes sociais

Esse tipo de conteúdo passa a sensação de proximidade com o cliente. Sua empresa ganhará um “rosto”, além de poder oferecer informações relevantes e de maneira rápida.

Outra vantagem é que você pode avisar com antecedência sobre a transmissão, mas as próprias redes sociais costumam enviar notificações para todos os seus seguidores logo que elas começam, facilitando a divulgação.

O Instagram Stories, o Facebook Live e o YouTube são as redes sociais mais utilizadas para esse fim. Saiba agora como aproveitá-las ao máximo:

Instagram Stories

As transmissões ao vivo do Instagram Stories focam no imediatismo, já que não é possível acompanhá-las após o encerramento.

Você pode aproveitar essa característica para fazer a cobertura de eventos, por exemplo. Se a sua empresa está realizando ou participando de algum, mostre os bastidores, as principais atividades e faça um convite para que os seguidores também participem.

Outra opção é contar novidades sobre a empresa, como produtos ou clientes novos. Aproveite para mostrar o escritório e seus colaboradores, reforçando como o trabalho deles é importantes para a companhia.

Facebook Live

O Facebook Live permite uma série de transmissões, que ficam registradas após o encerramento da gravação.

Uma opção interessante para esse canal é fazer bate-papos com profissionais do mercado. Convide alguém que seja referência no seu segmento ou que seus clientes admirem. Não esqueça de estimular os seguidores a enviarem perguntas e opiniões sobre o tema tratado!

Se a sua empresa é do segmento de moda, culinária ou artesanato, um bom caminho é investir em tutoriais. Faça uma transmissão ao vivo ensinando os seguidores a fazer alguma atividade, que pode ser desde uma receita até um look personalizado.

YouTube

Além de todos os tipos de transmissões que vimos até aqui, você pode utilizar o YouTube também para transmitir eventos privados, ou até mesmo cursos, para um determinado grupo de pessoas.

Se a ideia é que a transmissão seja vista apenas por pessoas selecionadas, você pode escolher a opção “privado” na configuração do vídeo. Dessa forma, só os convidados poderão assistir, bastando que você envie o link.

As transmissões ao vivo nas redes sociais podem te ajudar a engajar seus seguidores, melhorar o relacionamento com os clientes e aumentar as vendas. Independentemente da rede social escolhida, não esqueça de ficar atento a alguns detalhes como a velocidade da conexão, equipamento, luz e áudio.

E você, já costuma fazer esse tipo de ação na sua empresa? Quais formas de transmissão mais combinam com seu negócio? Tem outras dúvidas sobre o assunto? Compartilhe tudo com a gente nos comentários!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"