Mídia indoor tradicional ou digital? Saiba qual escolher!

Você sabe o que considerar antes de optar pelo emprego de mídia indoor tradicional e digital? Apostar na tradição ou investir no novo?

Quando bem utilizadas, os dois tipos de mídia podem surtir o efeito desejado. Porém, mesmo que o uso de murais e cartazes já esteja consolidado junto ao público, eles vêm sendo amplamente substituídos pelos conteúdos digitais.

Nesse contexto, qual deles seria a melhor opção para a sua empresa chamar a atenção do público? É isso que vamos abordar ao longo deste artigo. Acompanhe!

Afinal, o que é mídia indoor?

Somos atingidos pelas propagandas em vários momentos. Enquanto acessamos as redes sociais, via telefone, por telemarketing, mas existe uma forma de propaganda que garante excelentes resultados: a mídia indoor tradicional e digital.

São aqueles anúncios nos monitores dos ônibus, estações de metrô, consultórios médicos, supermercados, corredores de centros comerciais, academias. É possível dar de cara com a mídia indoor em praticamente qualquer ambiente com grande circulação de pessoas ou de espera forçada.

Devido à versatilidade no que diz respeito à aplicação e possibilidade de criar um canal de comunicação com um público-alvo segmentado, a mídia indoor está consolidada como o formato de veiculação de propaganda que mais cresce no mundo, de acordo com dados da ABDOH.

Como a mídia indoor digital vem sendo usada na propaganda?

O modelo de mídia indoor digital faz uso de players ligados a monitores, painéis de LED ou outros aparelhos capazes de reproduzir vídeos.

Grandes empresas têm apostado na utilização desse recurso em conjunto com conteúdos informativos, fazendo com que a informação sirva como um gatilho para atrair a atenção de quem assiste.

Porém, não é só isso. Ideias criativas estão sendo postas em prática com a mídia indoor digital. Conteúdos interativos, valorização de espaços públicos e privados e a integração com os dispositivos móveis são apenas algumas das muitas possibilidades desse tipo de mídia.

As estatísticas são favoráveis à mídia indoor digital? 

Os dados sobre a mídia indoor digital ou digital sineage são impressionantes. Um estudo realizado pela Arbitron revelou que 70% dos usuários americanos viram um vídeo em um painel digital, enquanto o número do Facebook fica entre os 43% e 41%.

Outros dados que animam os anunciantes dizem respeito à aceitação da mensagem: 60% das pessoas disseram que ela consegue chamar a atenção. 

A mídia indoor digital também gera um impacto significativo nas vendas, se comparado ao modelo estático. Enquanto o anúncio digital conferiu um aumento de 49% nas vendas de alimentos, o estático atingiu apenas 15%. Os dados são de um estudo, desenvolvido pela Optisigns.

Por que a mídia indoor digital tem ganhado espaço no mercado?

Vídeos atraem mais a atenção do público. Essa tendência de mercado também é confirmada quando o assunto é sinalização digital. Por abrir um leque de possibilidades, você deve ter percebido que a mídia indoor tradicional tem dado espaço para a digital.

Isso se deve às inúmeras vantagens em relação ao formato tradicional. Confira algumas delas!

  • Possibilidade de adaptação da mensagem de acordo com o tipo de público que circula no ambiente;
  • interação com os colaboradores e público interno por meio de TVs corporativas;
  • facilidade para atingir um público específico com uma mensagem específica;
  • disponibilidade de diversos tipos de conteúdo em uma programação, o que não é possível com um anúncio fixo;
  • integração do anúncio com o mobile, para disponibilizar conteúdos adicionais;
  • consequentemente, maiores taxas de conversão e economia para o anunciante.

Como escolher entre mídia indoor tradicional e digital?

Se você já está convencido de que necessita incorporar a mídia indoor na sua estratégia de marketing, mas está em dúvida entre o formato tradicional e o digital, vale a pena considerar alguns aspectos.

Primeiro, tenha sempre em mente o objetivo daquele anúncio. Muitos anunciantes não têm uma meta mensurável e acabam desacreditando algumas formas de propaganda sem ao menos terem uma ideia clara sobre o que esperar delas.

Outros pontos importantes que devem ser considerados antes de escolher uma ou outra são:

Custo benefício

Certamente a mídia indoor tradicional e estática terá um investimento mais baixo, se comparada com a digital. Entretanto, você sabe que nem sempre o valor das coisas pode ser medido por meio do preço. É preciso considerar o custo benefício e se o retorno sobre o investimento vai valer mesmo a pena.

Geração de valor

Uma pesquisa realizada pela Samsung revelou que 84% dos lojistas acreditam que a mídia indoor digital gera uma consciência de marca mais significativa para os consumidores. Gerar consciência nas pessoas e ser lembrado por elas são valores intangíveis que vão além do preço. Considere esses fatores antes de fazer a sua escolha.

Perfil do público

Você, mais do que ninguém, deve conhecer o perfil do seu público-alvo. Qual é o tipo de pessoa que você quer atrair com o seu anúncio? Quais os seus anseios e o que costuma atrair a atenção deles? Será que o formato tradicional e estático vai funcionar ou seria melhor apostar em conteúdos mais dinâmicos e com maior apelo visual?

O futuro da mídia indoor é digital?

Os letreiros digitais da Times Square ou a Picadilly Circus são sinônimos de modernidade e futuro, mas pense mais além! A mídia indoor digital tem seguido a revolução tecnológica e se adaptado junto com ela.

O dia a dia de bares e restaurantes como a McDonald’s, por exemplo, já está atrelado à sinalização digital. Antes, os cartazes tinham que ser alterados diariamente, agora o conteúdo nos monitores muda de acordo com a hora do dia. Ofertas de café da manhã são anunciadas logo cedo enquanto a oferta do dia pode ser vista pelos clientes diariamente.

Isso é ser imediatista e aproveitar as oportunidades que surgem na hora. Uma demanda do marketing que consegue ser suprida com a mídia indoor.

Conseguiu tirar as suas dúvidas a respeito de mídia indoor tradicional e digital? Como você observou no decorrer deste artigo a mídia indoor digital tem tomado cada vez mais o espaço da tradicional. Embora os antigos meios de propaganda ainda sejam válidos e gerem resultados, vale sempre a pena investir no novo.

Esse conteúdo foi útil para você? O que acha de receber materiais como esse diretamente no seu e-mail? Se inscreva na nossa newsletter e fique sempre por dentro das novidades do mercado!

Deixe um comentário

Por favor, seja educado. Nós gostamos disso. Seu e-mail não será publicado e os campos obrigatórios estão marcados com "*"